bella torre 6
A+ B-
Publicada em 08 de Março de 2017
Foto:

Paraná é destaque entre os que mais investem em transporte rodoviário



O Paraná investiu R$ 1,01 bilhão em transporte rodovi- ário no ano passado e com isso foi o segundo estado do país com mais investimentos no setor, atrás apenas de São Paulo. O volume de gastos do estado vizinho foi de R$ 3,85 bilhões. Santa Catarina aparece na terceira posição com R$ 896 milhões. Já na variação entre o que foi investido em 2015, o Paraná supera São Paulo, pois investiu 55,6% a mais em 2016, ante apenas 10% dos paulistas. A liderança ficou com o Rio Grande do Norte, que ampliou seus gastos no setor em 269%. O estado nordestino, no entanto, tem uma malha rodoviária e um orçamento mais modestos. Em relação ao aumento dos investimentos, o Paraná aparece em quinto, atrás também de Amapá (98,5%), Rio Grande do Sul (70,6%) e Piauí (60,6%). Os dados com informa- ções de 24 Unidades da Federação foram divulgados pela Secretaria do Tesouro Nacional, por meio de levantamento do Sistema de Informações Contábeis e Fiscais do Setor Público Brasileiro. A pesquisa foi compilada pelo Ipardes, Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econô- mico Social. O diretor-presidente do Ipardes Julio Suzuki Júnior explicou que “estes valores dizem respeito a tudo o que foi gasto na área de transporte na função chamada de rodoviário, após estes dados serem auditados por órgãos de controle de cada estado e enviados para a Secretaria do Tesouro Nacional”. OBRAS DE DUPLICAÇÃO Os investimentos são resultado de uma série de obras em todo o estado. Apenas em duplicações em rodovias estaduais foram alocados cerca de R$ 2 bilhões desde 2011. "Estamos fazendo o maior programa de duplicação de rodovias dos últimos 25 anos, além de restaurar centenas de trechos de rodovias. Esses dados são a prova do nosso Jorge Woll/DER trabalho", declarou o secretá- rio de Estado da Infraestrutura e Logística, José Richa Filho. Entre os exemplos de intervenções estão a duplicação, uma trincheira, um viaduto e iluminação central da PR- 415 entre Pinhais e Piraquara, além da separação do trecho urbano do rodoviário. No local passam diariamente 25 mil veículos e o total investido foi de R$ 158 milhões. LONDRINA E MARINGÁ Houve também o avanço na duplicação de um trecho de 22 quilômetros da PR-445 entre Londrina e Cambé, além da construção de 11 viadutos e trincheiras. O total deste investimento é de R$ 137 milhões e passam por dia na rodovia até 20 mil veículos. Outro trecho beneficiado com investimentos em 2016 foi a Rodovia do Cerne (PR-090), que foi duplicada e modernizada. O trecho entre Curitiba e Campo Magro é usado por cerca de 30 mil moradores da região e nestas melhorias foram investidos R$ 24,7 milhões. MELHORIAS Cerca de 45% dos investimentos (R$ 440 milhões) fizeram parte do Programa Estadual de Recuperação e Conservação de Estradas. Estes recursos são usados em conservações, recuperações e melhorias pontuais em todas as rodovias durante o ano



Mostra Comentarios